Famílias de Valparaíso comemoram conquista da moradia

Foto: Sérgio Willian/ASCOM Agehab

Em solenidade em que o presidente da Agehab, Eurípedes do Carmo, representou o governador Ronaldo Caiado, no sábado (6/4), foram entregues pelo Governo de Goiás e Caixa 96 moradias em Valparaíso. Eurípedes frisou que governador Ronaldo Caiado quer tratamento igualitário aos municípios, independente de questões políticas, e que a meta é avançar com o programa de moradia para contemplar mais famílias

A família do marceneiro Francisco José Silva Ferreira, 34 anos, e Janara Gomes de Souza, 37 anos, foi uma das primeiras a receber em Valparaíso de Goiás as chaves da moradia das mãos do presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Eurípedes do Carmo, que representou o governador Ronaldo Caiado no sábado (6/4) na entrega de 96 apartamentos do Residencial Buritis I. A expectativa agora da família é para a mudança, que deve ocorrer após a primeira assembleia dos moradores para a constituição do novo condomínio, marcada para o próximo sábado, 13 de abril. “Só penso em oferecer um lar seguro para os meus filhos Gabriel, de 6 anos, e João Lucas, de 9 anos. Estaremos morando e pagando por uma moradia que é nossa. Visitei um apartamento pronto. Adorei a cozinha. A vida com certeza vai ficar mais fácil. Já sonho com a conquista de um carro”, contou Janara.

Ao falar aos moradores dos 96 apartamentos, na solenidade de entrega de chaves, que contou com a presença do prefeito de Valparaíso, Pábio Mossoró, e de lideranças da região, o presidente Eurípedes do Carmo frisou que a recomendação do governador é para que todos os municípios sejam atendidos, independente de questões partidárias. “A preocupação do governador Ronaldo Caiado é levar as obras e os benefícios que a população precisa. Aqui para o Entorno do DF já estamos fazendo um estudo das demandas para definir os empreendimentos habitacionais. A missão não é apenas continuar com o programa habitacional, mas acelerar o andamento das obras e criar oportunidades para que cada vez mais famílias tenham acesso à casa própria com o apoio do Governo de Goiás”, destacou o presidente da Agehab.

Para a construção do Residencial Buritis I, destinado a famílias com renda de até R$ 2,6 mil, o Governo de Goiás, por meio da Agehab, aportou R$ 15 mil por unidade habitacional na parceria com o programa Minha Casa Minha Vida/Caixa, o que ajudou a viabilizar o empreendimento e baixar o valor da prestação do financiamento para as famílias. Isso fez a diferença para a família do operador de máquinas Mauro Ethos Barros Vitorino, 48 anos, e de Josicleide Rodrigues de Oliveira, 27 anos. Casados há sete anos, com dois filhos, Davi de 6 anos e José de 3 anos, o casal sempre morou de aluguel. Com as chaves da futura moradia na mão, só pensam no dia da mudança, em que vão deixar para trás o atual aluguel de R$ 550,00 para uma prestação de R$ 490,00. “O recurso do Governo de Goiás foi fundamental, baixou o valor da prestação. Eu não teria como pagar uma entrada. E o governo é para isso, ajudar o cidadão. Vou pagar o que é meu, num local bom, com estrutura, perto do trabalho e bem servido de escola. O processo mais difícil foi reunir a documentação para comprovar o vínculo de três anos com o município. Mas deu tudo certo”, relatou Mauro Vitorino.

Com valor total de R$ 7,1 milhão, o residencial teve investimento estadual de R$ 1,5 milhão e federal de R$ 5,6 milhão. A soma de esforços e de recursos concretizou o sonho da moradia para 96 famílias que vão morar no Residencial Buritis I. Os apartamentos estão distribuídos em 16 blocos de três pavimentos, com seis unidades em cada bloco. Murado, com guarita, portão de entrada, playground e uma vaga de estacionamento por moradia. Os apartamentos são de 44,77 m², com dois quartos, banheiro, sala, cozinha e área de serviço, com acabamento de qualidade.

“Não sei como descrever a felicidade de conseguir um teto para a minha família aos 38 anos de idade. Só sei que nossa vida será diferente, bem melhor, com mais segurança e conforto para meus filhos”, comentou a zeladora de prédio Lídia Vitorino Nunes, que vai morar num apartamento de dois quartos com o marido Raimundo José de Souza, 35 anos, eletricista, e os filhos Laísa (13 anos), Suzane (12 anos) e José Pedro (2 anos). Ela disse que é a maior felicidade deixar no passado um aluguel de R$ 450,00 para uma prestação de R$ 358,00. “Esse é um dia diferente, muito especial, em que já posso sonhar com outras conquistas, pois a casa própria eu já tenho”, comemorou a zeladora junto com a família.

O post Famílias de Valparaíso comemoram conquista da moradia apareceu primeiro em O Democrata.

Fonte: odemocrata
Author: O Democrata

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*